You are currently viewing Emergências e desastres: conheça as referências técnicas do CFP

Emergências e desastres: conheça as referências técnicas do CFP

Documento busca orientar a atuação de psicólogas e psicólogos no gerenciamento de riscos e vulnerabilidades em situações de calamidades e desastres

Diante de situações cada vez mais recorrentes de calamidades públicas e de desastres no Brasil – como chuvas, secas, incêndios, rompimento de barragens, assim como fluxos migratórios –, o Conselho Federal de Psicologia (CFP) tem disponibilizado à categoria um conjunto de conteúdos para orientar a atuação de psicólogas e psicólogos no gerenciamento de riscos e vulnerabilidades.

O mais recente deles são as Referências Técnicas para Atuação de Psicólogas (os) na Gestão Integral de Riscos, Emergências e Desastres, lançado em 2021. O documento traz uma reflexão crítica e histórica sobre a inserção da Psicologia no campo das emergências e dos desastres e busca orientar a categoria quanto a protocolos de atuação, fortalecendo estratégias de ação da Psicologia para o acolhimento de pessoas afetadas por emergências e desastres.
Para além de grandes acidentes e desastres ambientais, a ação da Psicologia se estende para os aspectos sociais que impactam esse fenômeno – tais como o desemprego, a falta de acesso à moradia e demais condições de vulnerabilidade socioeconômica, para as quais são necessárias políticas públicas de prevenção.

Psicologia nas Emergências e Desastres

A Psicologia vem buscando espaços para contribuir nas políticas públicas de defesa civil, como assistência social, saúde, habitação e outras, ao mesmo tempo que alinha suas referências com a agenda mundial da redução de riscos de desastres nas ações humanitárias, construindo referências de atuação em emergências e desastres calcadas na experiência prática e no acúmulo teórico sobre o tema.

Desde 2005, o Conselho Federal de Psicologia vem atuando na temática da Psicologia e Desastres. Em 2018, foi constituído um grupo de trabalho com o propósito de articular as ações da autarquia, ampliando as discussões sobre o tema e promovendo a participação dos Conselhos Regionais de Psicologia, categoria e sociedade civil.

O site do CFP possui um espaço que reúne conteúdos importantes dos Conselhos de Psicologia no campo de emergências e desastres – são publicações, artigos vídeos e notícias para apoiar a atuação de psicólogas e psicólogas na área.

Fonte: CFP