You are currently viewing Semana Estadual da Juventude vai abordar a saúde mental dos jovens em extensa programação

Semana Estadual da Juventude vai abordar a saúde mental dos jovens em extensa programação

Entre os dias 18 e 25 de setembro, acontece em Mato Grosso do Sul a Semana Estadual da Juventude. A realização é do Governo do Estado junto com o CRP 14 (Conselho Regional de Psicologia de Mato Grosso do Sul) e a Comissão de Direitos Humanos, no intuito de contribuir para a saúde mental dos jovens.

Serão realizados diversos debates presenciais e online prevenindo o agravamento do sofrimento decorrente das consequências da pandemia de Covid-19, além de contribuir com o Setembro Amarelo, mês de prevenção ao suicídio.

Para atingir o máximo do público-alvo, que são jovens entre 15 e 29 anos, serão realizadas ações em Campo Grande, Três Lagoas e Dourados. No CRP, o evento é uma iniciativa da Comissão de Direitos Humanos por meio do Núcleo da Infância, Adolescência e Juventude.

Programação

No dia 19 de setembro, a partir das 9h30, acontece uma palestra em Três Lagoas sobre “Conhecer e desenvolver habilidades para o trabalho”, ministrada pela psicóloga Fabiana Ferrari. No dia 20, às 9h a palestra sobre “Vida e prevenção ao suicídio” será ministrada pelo psicólogo Dionatans Godoy Quinhones, em Dourados.

Ainda no dia 20, às 15h, acontece uma live sobre “Comunicação Afetiva e relacionamentos”, ministrada pela psicóloga Ana Maria Del Grossi, que será transmitida nas redes sociais do SUBJUVMS. No dia 21, às 9h30, acontece uma roda de conversa na Unigran em Campo Grande sobre “Projetos de Futuro: juventude e possibilidades”.

No dia 22 de setembro às 15h será realizada uma live sobre “Autoconhecimento das suas potências e limites, – criações e saúde”, ministrada pela psicóloga Yasmine Maria de Rezende e transmitida pelas redes sociais do Governo do Estado.

No dia 23, às 9h30 a palestra será presencial em Campo Grande, com a psicóloga Camila Areco sobre “Como identificar e desenvolver sua rede de suporte social”. Por fim, no dia 24, às 16h, uma palestra presencial vai abordar a “Territorialidade: Como os gestores podem contribuir com a prevenção e promoção em saúde mental”.